Trabahadoras Sociais da Pastoral da Mulher, participam de mais um encontro do Tecendo a Rede

Compartilhar
Estreitar as relações entre os profissionais da rede Interestadual de Saúde do Vale do São Francisco (Rede PEBA), promovendo a integração entre as instituições para potencializar a prestação de serviços e garantir os direitos sociais, são os principais objetivos do “Tecendo a Rede do Vale do São Francisco”. O projeto é desenvolvido pelo HU-Univasf através da sua Unidade de Atenção Psicossocial.
 
No dia 13 de dezembro, foi realizado o último encontro do ano de 2018, com a temática do cuidado em rede a população em situação de rua, onde foi apresentado o trabalho realizado pela Defensoria Pública, Centro POP e Consultório na rua.
 
Participaram do evento vários profissionais, vinculados a diversas instituições de Petrolina e Juazeiro, que discutiram as políticas públicas e o fortalecimento da Rede de Assistência à  voltada às pessoas em situação de rua e vulnerabilidade social.

Fonte: Pastoral da Mulher

 

 
 
 

Conteúdos do blog

As publicações deste blog trazem conteúdos institucionais da Pastoral da Mulher – Unidade da Rede Oblata Brasil, bem como reflexões autorais e também compartilhadas de terceiros sobre o tema prostituição, vulnerabilidade social, direitos humanos, saúde da mulher, gênero e raça, dentre outros assuntos relacionados. E, ainda que o Instituto das Irmãs Oblatas no Brasil não se identifique necessariamente com as opiniões e posicionamentos dos conteúdos de terceiros, valorizamos uma reflexão abrangente a partir de diferentes pontos de vista. A Instituição busca compreender a prostituição a partir de diferentes áreas do conhecimento, trazendo à tona temas como o estigma e a violência contra as mulheres no âmbito prostitucional. Inspiradas pela Espiritualidade Cristã Libertadora, nos sentimos chamadas a habitar lugares e realidades emergentes de prostituição e tráfico de pessoas com fins de exploração sexual, onde se faz necessária a presença Oblata; e isso nos desafia a deslocar-nos em direção às fronteiras geográficas, existenciais e virtuais. 
Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.